domingo, 15 de fevereiro de 2009

Grandes Esperanças para 2009 - Parte III

CORALINE

Henry Selick, realizador de filmes como The Nightmare Before Christmas e James and the Giant Peach, regressa uma vez mais ao seu estilo que tão bem consegue representar através da animação em stop motion e, pela primeira vez neste formato, em alta definição. Coraline promete uma conjuntura considerável de emoções, onde o lado negro da história e a magia que cada imagem parece transmitir, fazem deste filme possuir uma globalidade de grandes expectativas para esta nova época cinematográfica.

Baseado no best-seller internacional de Neil Gaiman, o filme de Henry Selick vai ser certamente uma excelente experiência em 3D. Coraline, a personagem que dá nome ao filme, é uma jovem rapariga que descobre na sua casa nova uma porta secreta, dando-lhe assim uma outra versão da sua vida. No início, apesar desta parecer muito parecida com a sua vida real, acaba por parecer muito melhor do que era realmente na realidade. Mas entretanto ela começa a enfrentar alguns perigos e tenta regressar à sua vida normal.

Coraline estreia em Portugal já na próxima quinta-feira. O filme tem as vozes de Dakota Fanning, Teri Hatcher, Jennifer Saunders e Dawn French.




WATCHMEN

Sem dúvida alguma o filme mais esperado do ano. Watchmen, realizado por Zack Snyder, o visionário realizador de 300, é esperado com grande ansiedade principalmente pelos fãs da banda desenhada. Se para muitos os trailers apresentados até agora já chegam para comprovar a enorme qualidade que o filme apresenta, onde o destaque vai para o ambiente extremamente bem elaborado e semelhante à bd, falta agora aguardar menos de um mês para a tão esperada estreia nos cinemas.

Watchmen, nome da graphic novel criada por Alan Moore e Dave Gibbons, é considerada uma das melhores de sempre. Como referiu a revista Empire na sua edição de Setembro de 2008, poderá estar aqui o "Citizen Kane dos filmes de Super Heróis". Até que ponto isto poderá ser correcto dizer não sabemos. O que sabemos, e bem, é que 5 de Março nunca esteve tão longe. Se The Dark Knight foi o ultra sucesso da temporada de 2008, estará aqui outro êxito para a Warner Brothers? A extensa campanha de promoção da sua estreia, desde que se resolveu o processo judicial sobre os direitos de distribuição do filme, surgiu em meados de Janeiro e tem feito aumentar ainda mais as expectativas.

Com Carla Gugino, Jeffrey Dean Morgan, Malin Akerman, Billy Crudup, Patrick Wilson, Jackie Earle Haley, Matthew Goode, Stephen McHattie e Matt Frewer, o filme chega até nós em estreia mundial a 5 de Março pela Zon Lusomundo. Por agora, deliciemo-nos com diálogos como este: "The world will look up and shout "Save us!"... And I'll whisper "No.""




GRAN TORINO

Clint Eastwood não para. E quem agradece somos nós, público sedento por consumir os seus filmes. E se os últimos anos têm sorrido ao realizador/actor de 78 anos, este corrente ano parece já ter deixado uma marca de tristeza. A razão é mais do que óbvia: com duas produções num ano, Eastwood foi renegado pela Academia. E se Changeling marcou um grande regresso de Eastwood atrás das câmeras, Gran Torino será, infelizmente, a sua última aparição como actor. E que saudades vamos nós ter daquela voz grave e rouca que nos cola logo ao ecrã.

Tristezas à parte, Gran Torino chega até nós no dia 12 de Março. Só isso é motivo que chegue para ficarmos logo com um largo sorriso na cara. A história centra-se em Walt Kowalski, interpretado por Clint Eastwood, onde este é um veterano da Guerra da Coreia e a sua única felicidade na vida é o seu Gran Torino 1972. Sendo uma pessoa algo preconceituosa e de poucos amigos, Kowalski acaba por se envolver com alguma da sua vizinhança que detestava, protegendo-os depois dos gangs que se vêm metendo com eles.

Os direitos de Gran Torino foram adquiridos por Clint Eastwood na altura da apresentação de Changeling no Festival de Cannes, tendo começado depois, desde logo, a trabalhar neste filme. Assina uma vez mais a banda sonora, sendo possível desta vez ouvi-lo a cantar. Cerca de um mês é o que vamos ter de esperar para a sua estreia em Portugal.



Ante-Cinema#

8 comentários:

Fifeco disse...

Muito sucintamente,

Coraline - Não, de todo.

Watchmen - Absolutamente essencial

Gran Torino - Curiosidade

Abraço

Fernando Ribeiro disse...

Fifeco,

Está aqui registado a tua opinião muito breve e directa sobre estes 3 filmes. :)

Abraço.

Dan disse...

Destes 3 filmes, tu sabes bem qual é que me faz suspirar todos os dias ehehe :)

Não tenho grande curiosidade em ver Coraline, e 'Gran Torino' deixa-me curioso, mas nada de mais...

Agora o 'Watchmen'... Dia 5 de Março ainda parece estar muito longe...

Abraço

Fernando Ribeiro disse...

Dan,

Sei perfeitamente. :) E faz a ti e a qualquer um amante de grandes filmes. Pelo menos é o que Watchmen parece ser: um grande filme. Esperemos não sair desiludidos do resultado final. Quanto ao Caroline, e sendo eu um grande apreciador da visão de Henry Selick, estou com boas este filme. Já Gran Torino é Clint Eastwood. Não é preciso dizer mais nada. :P

Abraço.

Álvaro Martins disse...

Já vi Gran Torino, não me encantou, pelo contrário, achei muito banal além da interpretação do Clint que está como sempre, magnífica.
Watchmen - não...ainda não vi...nem tenho grande curiosidade em ver.
Coraline - este sim, tenho muita curiosidade e certamente não vou esperar para o ver... mas dum homem que realizou The Nightmare Before Christmas(embora neste o crédito seja do mestre Tim Burton) e James and the Giant Peach espero um bom filme, no mínimo.

Abraços

Fernando Ribeiro disse...

Álvaro Martins,

Pelo que me tenho apercebido, Gran Torino tem dividido um pouco as opiniões. Mas valerá certamente pela interpretação e realização de Clint Eastwood. Quanto ao Watchmen, tenho pena que não tenhas curiosidade. Talvez não seja o teu tipo de filme. No entanto, acho que poderá sair daqui um óptimo filme. Quanto ao Coraline, finalmente alguém me apoia no grau de expectativas. Também estou muito curioso e espero vê-lo o mais rápido possível. :)

Abraço.

Álvaro Martins disse...

Fernando, em relação ao Gran Torino reconheço que o Clint fez um bom trabalho na realização e na interpretação, afinal ele é um "senhor", um actor no verdadeiro sentido da palavra. Mas achei o argumento muito fraco e banal. Além disso, o filme é só Clint e mais nada.
Em relação ao Watchmen tens acertaste na "mouche"..não é o meu tipo de filme.
Quanto ao Coraline, tou contigo.

Abraços

Fernando Ribeiro disse...

Álvaro Martins,

Pois, acredito. Aliás, tem sido a crítica mais recorrente de quem já viu Gran Torino. Mas numa coisa concordo contigo: Clint Eastwood é um senhor. Quanto ao Watchmen, quem sabe se ainda terás uma surpresa. :) E que venha Coraline.

Abraço.