quinta-feira, 10 de abril de 2008

Crítica

"INTERVIEW - ENTREVISTA", de Steve Buscemi

Nota Ante-Cinema#: 7/10

Este "Interview" de Steve Buscemi, foi inspirado no filme, com o mesmo nome, do realizador assassinado na Holanda em 2004, Theo Van Gogh. Esta é uma boa história de relação entre duas personagens, que atinge em certos momentos, um carácter mais amoroso e noutros, mais afectivos, como uma espécie de pai e filha.
Steve Buscemi é, sem dúvida, um realizador que não tem medo de arriscar e de produzir histórias que, à partida, sabe que chegam a ser bastante convencionais e diferentes do que se costuma fazer. Considerar este "Interview", como um filme de conversa é o mais apropriado. Mas a conversa é o factor elucidativo com que Buscemi, ao longo de todo o filme, joga. Temos momentos bem apetecíveis, com certas sátiras à maneira como fazem novelas americanas e à forma como uma actriz consegue não se importar com o que faz, mas sim com a sua fama. São alguns pormenores que fazem com que o filme consiga agarrar o espectador.
De destacar a presença de Sienna Miller, que consegue até ao fim do filme, exibir uma sensualidade e uma bela representação de uma mimada, que tem o seu triunfo e fama como menina bonita da televisão americana. É pena o filme, encontrar-se actualmente em três salas de cinema no nosso país, porque embora não seja um filme apetecível para qualquer um, acaba-se por passar uns bons e relaxados 84 minutos no cinema.

Ante-Cinema#


1 comentário:

Hugo Gomes disse...

N tive oportunidade de ver, quer em termos de tempo quer em termos de escolha, fiquei indeciso para vê-lo, mas o I'm Not There levou a melhor, lol :)